sábado, dezembro 09, 2006

Pedaço de mim, metade dela

Pedaço de mim, metade dela.. Confundem-se as almas, perdidas neste mundo. Sou eu mas é como se não fosse. Existo mas é como se não existe-se. Como ela, estou partida, falta algo de mim, que se perdeu no tempo dos mortos, na terra das almas, no horizonte da vida.
Nada me resta senão sua cara mutilada pelos erros do destino, pela dor e pelo sofrimento, mutilei-a para me punir e agora ficámos ambas partidas, perdidas, sozinhas...
Fi-la sofrer para eu não sentir e agora, sofremos as duas, sem ninguém para nos amar, para nos ajudar a colar os pedaços partidos... Tentamos consular-nos mutuamente, ela é pedaço de mim, eu sou metade dela...


Bloody kisses***Ari

2 comentários:

Joana disse...

Gostei muito do texto!
Esta muito bem conseguido =)

a imagem, já conhecia, é absolutamente genial. Adorei todo o post***

Dea disse...

Está lindo!!! ^-^
Gmmmmmmmmmmmmmmmmmmmdt**