quarta-feira, janeiro 03, 2007


O pano fechou-se
A máscara caiu...

Revelou as lágrimas caídas
Num silêncio de morte
Todas as mágoas sentidas
Da sua malfadada sorte

Estranha face era aquela
Que só dor transmitia
Era uma cara tão bela
Porque estava sempre escondida?

Representava sempre da mesma maneira
Fingindo ser quem não podia
Sorria imitando uma sereia
Era assim seu dia-a-dia

No fim tudo era igual
Voltava sempre a esconder-se
Era esse o seu Fado fatal
Que cumpriria até que o corpo morresse

O pano fechou-se
A máscara caiu...

Bloody kisses***Ari

4 comentários:

Joana disse...

Gostei muito!
Faz-me lembrar um exto que tambem tenho, tambem sobre mascaras!
Gostei =)
A imagem é muito bonita. Enciaxa muito bem***

Samodiva Anheel Brujah disse...

está mt bonito sim :),
tu hoje tavas xoxinha :(, gmmmmmdt**

Velvet Tears disse...

Ficou lindo...eu tenho essa imagem, mas nunca me havia aventurado a escrever algo sobre ela...embora já tivesse pensado nisso ^^"

Mas ficou lindo...

Velvet Kisses

Dea disse...

Brilhante!!!! *-*
A sério, ficou perfeito!!!!! ^-^
GmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmdT**