quarta-feira, abril 25, 2007

Que caminho este com que me deparo?
Tão longo e inseguro
Tão perigoso e desconhecido

Que lugar este em que me encontro?
Tão negro e solitário
Tão sem vida nem morte

Que sítio este em que me vejo?
Desesperada, desejando cair
Destroçada, querendo fugir

Que trilho este em que caminho?
Que me leva para tão triste destino?


É o caminho do meu coração
É o lugar da minha solidão
É o sítio em que me perdi
É o trilho em que morri




Bloody kisses***Ari

1 comentário:

Joana disse...

Mas lá esta, ha sempre a luz ao fundo do tunel! =)
Não desesperes.
Esta bonito, mas muito, muio negativo e cheio de dor!
Espero que estejas bem!
*******